PRECISO DE MAIS ESPAÇO NA ESTANTE #1

14:26

Yaaay! Hoje eu vim mostrar os livros que vieram morar comigo nas últimas semanas. Para ser mais exata: livros novos das últimas duas semanas. Que coisa linda tem sido esses últimos dias, parece que estou nas nuvens! E claro, os livros sempre ajudam para me deixar ainda mais animada e feliz :) 

Eu estou pensando em mudar algumas coisas aqui no blog, inclusive alguns formatos de post como o Bookhaul, por exemplo. Quase todo mês eu passava aqui para mostrar os livros novos que comprei/ganhei, mas cansei um pouco desse estilo, sei lá. Então, resolvi mostrar quando der na telha, quando acumular uma quantidade bacana ou um material que acho interessante mostrar. Enfim, não quero mais ter essa coisa de todo mês fazer determinado post, etc, por que parece que chega uma hora que realmente cansa e eu paro de sentir vontade de fazer. 

Enfim, fiquem à vontade para deixar sugestões ou que vier na cabeça de vocês aqui nos comentários. Agora vamos ver as novidades, só tem livrão!

OS LIVROS NOVOS

 Ganhei a HQ Wytches do meu namorado esses dias, que surpresa incrível! Esse quadrinho eu já li e simplesmente adorei, vou deixar a sinopse pra vocês e logo logo terá um post inteirinho dedicado à HQ!

Esqueça tudo o que você já ouviu falar sobre bruxas; quase todas as informações devem estar erradas, de qualquer forma. Aquilo que você aprendeu na escola — que, por séculos, centenas de pessoas foram queimadas, torturadas, perseguidas e assassinadas por bruxaria — é um fato. O que ninguém contou para você é que essas pessoas morreram para proteger uma terrível realidade escondida dos meros mortais: bruxas, bruxas de verdade, existem e estão por aí. Elas são criaturas muito mais perversas e diabólicas do que você poderia pensar — e, portanto, muito mais assustadoras. Ver uma é coisa rara; sobreviver a elas é mais raro ainda. É por isso que quando a família Rook se muda para Litchfield, uma remota cidadezinha de New Hampshire, tentando escapar de uma experiência horrível ao recomeçar do zero, eles não entendem que algo sinistro vive nas florestas ao redor da cidade. Algo que os observa, esperando apenas por uma oportunidade. Algo muito antigo... e voraz. Você até pode conseguir feitiços e milagres delas, mas, para isso, vai precisar pagar o preço. Pai e filha vão descobrir que recomeçar pode ser bem mais difícil quando há uma conspiração secular que envolve a sua família em curso.



Semana passada eu recebi da Companhia das Letras o livro II da trilogia Fronteiras do Universo, A Faca Sutil. O Phillip Pullman me surpreendeu muito e eu amei o primeiro livro, estou super ansiosa para devorar o segundo volume. Que história incrível! 

Em "A Faca Sutil" Lyra viaja para Cittàgazze um mundo assombrado onde conhece Will. Juntos eles vão de um mundo a outro encontram um objeto de poder extraordinário e descobrem a verdade sobres seus destinos. Numa narrativa envolvente Pullman conduz o leitor a um mundo mágico.



Estou apaixonada pela capa desse livro? SIMMM! Simplesmente amei essa capa e junto com a premissa, esse livro me ganhou. Recebi Robopocalipse do Grupo Editorial Record e estou super ansiosa pra ler! Segue e sinopse pra vocês:

Ela está na sua casa. Ela está no seu carro. Ela está no céu. Ela está no seu bolso. E agora a tecnologia quer acabar com você Uma inteligência artificial é criada: Archos. Em segundos de análise de dados, ela conclui que a humanidade é descartável. A partir disso, ela toma conta de toda forma de tecnologia on-line do mundo. Primeiro, pequenos bugs em equipamentos e programas são percebidos, sem que ninguém perceba nenhuma conexão entre os acontecimentos. Então, no que ficou conhecido como a hora H, Archos lança um ataque total contra a raça humana. Por isso, para detê-la, a humanidade deverá fazer algo que jamais foi tentado antes: unir-se por um objetivo em comum.


Mais um livrinho que ganhei do Grupo Editorial Record e em breve será lido :) 

Existem segredos que não podem ser levados para túmulo O corpo de uma jovem é encontrado no fundo do gélido lago Grant, e um bilhete deixado sob uma pedra à sua margem sugere que ela tirou a própria vida. Mas, em questão de minutos, fica claro que aquilo não foi suicídio. Trata-se de um assassinato brutal, cometido a sangue-frio. Sara Linton, ex-médica legista do condado de Grant, hospedada na casa dos pais para passar o feriado de Ação de Graças, vê-se envolvida no caso quando o principal suspeito pede desesperadamente para falar com ela. Porém, quando ela chega à delegacia local, depara-se com uma tenebrosa cena na cela do prisioneiro: ele está morto, e as palavras “Não eu” foram rabiscadas na parede. Algo na confissão dele não faz sentido, então Sara convoca o Georgia Bureau of Investigation. Imediatamente, o agente especial Will Trent interrompe suas férias para se unir à equipe de investigação. No entanto, o que ele encontra é apenas uma muralha de silêncio no condado de Grant, um a comunidade extremamente unida, cujos habitantes possuem elos profundos. E a única pessoa que poderia contar a verdade sobre o que realmente aconteceu está morta.


Sim! É isso mesmo que vocês estão vendo: ALIEN! Finalmente tenho em mãos essa nova trilogia do universo expandido de um dos vilões mais incríveis do cinema. Sou apaixonada pelo Alien, nunca canso de dizer isso e estou - vou repetir isso mais uma vez sim - mega ansiosa pra devorar essa trilogia. Vou tentar ler o primeiro volume agora em Outubro, minha lista está bem ambiciosa, mas não custa nada tentar. 

Já tinha lido - e me apaixonado ainda mais - pelo livro do Allan Dean Foster que saiu pela Editora Aleph, e esse cara soube ambientar a história e criar uma tensão que não senti no filme. Agora admito que estou com expectativas altas com esses novos livros, não são escritos pelo Allan Dean Foster, cada um dos volumes tem um autor diferente e isso parece legal, mas ainda assim, expectativa está altíssima! Tenho certeza que vou curtir!


Outro dia comprei um e-book chamado Minha vida sem banho, adorei o título e a sinopse, não resisti. Eis que ontem entro na livraria e dou de cara com Gostar de Ostras, quando vi que era do mesmo autor de Minha vida sem banho nem me surpreendi. Também me apaixonei pelo título e pela sinopse, trouxe pra casa. Como poderia deixá-lo lá?

Um jornalista solteiro e entediado de trinta e poucos anos e um espalhafatoso casal de franceses octogenários são os protagonistas do novo romance do prestigiado escritor, tradutor e jornalista Bernardo Ajzenberg. Em Gostar de ostras, Marcel e Rachelyne Durcan invadem o cotidiano monótono de Jorge, seu vizinho, de forma semelhante à trepadeira que cresce desordenadamente no jardim do prédio onde moram, compensando sua presença caótica com uma flor roxa de beleza intensa. Com sua prosa ao mesmo tempo firme e sensível, Ajzenberg envolve o leitor com a história dessa amizade improvável, que levará os Durcan a revisitar seu passado difícil, incluindo os motivos que fizeram com que deixassem seu país, e que mostrará a Jorge que a vida pode ser mais desafiante e colorida do que ele se acostumou a imaginar.

Eu estou louca pra ter esse livro! Acontece com vocês de vez em quando bater umas loucuras de preciso-ter-urgente? Não sei quando lerei, pretendo colocá-lo na lista de leitura pra Novembro, mas já acumulei muita coisa pra essa lista (hahaha, que doida, você deve estar pensando), mas resolvi que queria e comprei. :D Simples assim. Mas depois de ter lido O Conto da Aia é difícil passar despercebido por algum livro da autora. Essa mulher é genial! E esse livro vai virar série da Netflix também! 

Depois de O conto da aia, que deu origem à prestigiada série The handmaid’s tale e alcançou o status de bestseller mais de 30 anos após a publicação original, outro romance de Margaret Atwood vai ganhar as telas, desta vez pela Netflix, e volta às prateleiras com nova capa pela Rocco. Inspirado num caso real, Vulgo Grace conta a trajetória de Grace Marks, uma criada condenada à prisão perpétua por ter ajudado a assassinar o patrão e a governanta da casa onde trabalhava, na Toronto do século XIX. Com uma narrativa repleta de sutilezas que revelam um pouco da personalidade e do passado da personagem, estimulando o leitor a formar sua própria opinião sobre ela, Atwood guarda as respostas definitivas para o fim. Afinal, o que teria levado Grace Marks a cometer o crime? Ou será que ela estaria sendo vitima de uma injustiça?



Rita Zerbinatti, 25 anos, professora, apaixonada por Ficção Científica, dias chuvosos, séries de TV e café. Quer saber mais?Clique 
aqui.


Um comentário:

  1. Oi, Rita! Acho que essa é a minha primeira visita ao seu blog. Passei algumas semanas sem vontade de ler, mas acho que isso já passou. No momento eu PRECISO ler Origem, do Dan Brown. Inclusive comprei ele hoje,como presente do dia do professor Hehe. Aliás, parabéns para nós! Não vejo a hora de ter aquela sensação de ler um lançamento do Dan Brown, não sinto isso desde 2013! ��

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.